Três mandamentos, três desafios

Três Mandamentos Três Desafios

“…alegrai-vos na esperança, sede pacientes na tribulação, perseverai na oração”, Rm 12.12.

(Mensagem)

1 – ALEGRAI-VOS NA ESPERANÇA – Deus não força as pessoas a realizarem coisas para as quais não estão capacitadas – uma delas é esse mandamento. No entanto, Ele deseja que as pessoas sejam alegres. No entanto, nem todos recebem a alegria do Senhor. Falta-lhes o Espírito Santo para dar a elas essa alegria, e por consequência não tem esperança (veja Gl 5.22). Contudo, Ele pode agire com alegria em corações humilhados que queiram ouvir a Sua voz! “Não temais”, disse o anjo, “porque eis aqui vos trago novas de grande alegria, que será para todo o povo, pois, na cidade de Davi, vos nasceu hoje o Salvador, que é Cristo, o Senhor”, Lc 2.10,11. Jesus em Si mesmo é a verdadeira alegria para os que a desejam. É Ele as “novas de grande alegria” que surge para resolver os probelmas. Ele nos conduz pelos caminhos da esperança, que é o Evangelho, Cl 1.13, que nos leva aos céus, Cl 1.5, onde essa mesma esperança está reservada. Fomos gerados outra vez, 1 Pe 1.3, “para uma viva esperança, pela ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos”.

2 – SEDE PACIENTES NA TRIBULAÇÃO – Aos romanos 5.2-4 encontramos a seguinte verdade: “nos gloriamos na esperança da glória de Deus. E não somente isto, mas também nos gloriamos nas tribulações, sabendo que a tribulação produz a paciência. E a paciência, a experiência, e a experiência a esperança”. A tribulação se parece como uma máquina de trilhar o grão com casca (na verdade, o tribulum era uma espécie de engenho do Império Romano, que servia para trilhar cereais, daí a expressão). O Senhor nos molda para o Seu louvor e glória. A tribulação é produtora de paciência. Nos possibilita novas experiências. A tribulação, paciência e experiência nos fazem cheio de esperança. “Meus irmãos, tende grande gozo quando passardes por várias provações; sabendo que a prova da vossa fé produz a paciência”, Tg 1.1,2, e confiaremos, esperaremos, teremos esperança no nosso Deus.

3 – PERSEVERAI NA ORAÇÃO – Perseverar é mandamento bíblico. O fim da perseverança, com fé em Deus, é a salvação das nossas almas, Mt 10.22. A oração é um desafio. Estamos todos aptos a enfrentá-lo? Quantos problemas são solucionados com oração! Mas nem todos perseveram na oração. A igreja primitiva guardava esse mandamento: “E perseveravam na doutrina dos apóstolos, e na comunhão, e no partir do pão, e nas orações”. Os apóstolos nos deixaram o bom e santo exemplo: “mas nós perseveraremos na oração e no ministério da Palavra”, At 6.4. Nossa oração deve ocupar todo o tempo de vida, Ef 6.18; não podemos estar “inquietos por coisa alguma; antes as vossas petições sejam em tudo conhecidas diante de Deus pela oração e súplicas, com ação de graças”, Fp 4.6; porque “a oração feita por um justo pode muito em seus efeitos”, Tg 5.16.

Três mandamentos: alegrar-se, ser paciente e perseverar. Três desafios: esperança, tribulação e oração – a forma cristã de servirmos a Deus.

Deus o abençoe ricamente.

Isac Rodrigues

Cevide

View more posts from this author

Compartilhe em sua rede social, blog ou site

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *