Sirvamos bem

sirvamos-bem

Ele serviu aos pobres e oprimidos. Muitos alegraram-se por suas obras. Chamou outros para servirem e deu-lhes ordens e mandamentos: “Ide, porém, e aprendei o que significa: Misericórdia quero, e não sacrifício. Porque eu não vim a chamar os justos, mas os pecadores, ao arrependimento”, Mt 9.13; “ide antes às ovelhas perdidas da casa de Israel”, Mt 10.6; “Ide vós também para a vinha”, Mt 20.4; “Ide, pois, às saídas dos caminhos, e convidai para as bodas a todos os que encontrardes”, Mt 22.9; “Ide à cidade”, Mt 26.18; “ide dizer a meus irmãos que vão à Galiléia, e lá me verão”, Mt 28.10; “Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo”, Mt 28.19. Eis aí os “ides” do Evangelho de Mateus!

As ordens foram dadas, e houve quem as obedecesse. Este foi o princípio de um período de proclamações pelo mundo a fora.

As mesmas ordens chegaram a mim e a você e os princípios são os mesmos. Usemos todas as formas possíveis. As possibilidades de hoje são muitas. Sirvamos bem a Jesus Cristo, porque ele, naquele dia, nos dará a recompensa, porque escrito está: “E, eis que cedo venho, e o meu galardão está comigo, para dar a cada um segundo a sua obra”, Ap 22.12.

Isac Rodrigues

Cevide

View more posts from this author

Compartilhe em sua rede social, blog ou site

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *