O ipê que virou poste, que virou ipê

ipe-que-virou-poste

(Reflexão)

Uma notícia curiosa! Um ipê amarelo foi cortado para servir de poste na rede elétrica de Porto Velho (RO). Anos após ter virado poste, o ipê começou a florir, o que fez com que a Secretaria de Meio Ambiente solicitasse, para preservá-lo, que a rede elétrica fosse transferida para um poste de concreto instalado ao lado dele. O ipê não é mais poste, mas dá para ver no tronco a ferragem por onde passava a fiação.

Muita gente é como esse poste aí, em sua primeira fase. Era ipê e deu em nada! Saul era ipê que virou poste. Ananias e Safira eram ipês na igreja e viraram postes! Judas Iscariotes era ipê, virou poste. Além de tantos e tantos outros! Tempos atrás, Jo Soares entrevistou um ex-pastor que se tornara catador de insetos! Ao lado dele dois sacos de moscas mortas, para mostrar na televisão sua nova função. Que aconteceu ao pastor? Virou poste!

Apesar de tudo, existem postes que viraram ipê! Pedro, virou ipê! Saulo, depois Paulo, ipê! Jacó, que lutou com Deus, ipê! Quantos mais!

E nós hoje? Que sejamos o que diz: “Pois será como a árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto no seu tempo; as suas folhas não cairão, e tudo quanto fizer prosperará” (Sl 1.3). Nada de postes, que foram árvores, inutilizados dentro da igreja!

Isac Rodrigues

Cevide

View more posts from this author

Compartilhe em sua rede social, blog ou site

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *