Coisas sofridas

coisas-sofrigas

(Reflexão)

Às vezes a gente tem que esperar pra saber se uma coisa boa e bem pessoal está de acordo com a vontade de Deus. Exemplo: sonhos, desses que temos enquanto dormimos no período da noite, que faz-nos saber de algo bom e que é Deus falando; principalmente quando se duplicam e quando acontecem no clarear do dia. Parece incrível, embora alguns desacreditem, pela veracidade da fonte não resta dúvida de sua verdade.

Bom, a gente tem esses sonhos, digamos, há muito tempo. Então passamos a criar expectativa de concretização. As indagações aumentam, enquanto os dias passam, e, de fato, vão passando muito lentamente, e transformamos o assunto dos sonhos em um monte de “coisas sofridas”! “Deus, quando isto acontecerá? Dá-me mais um sinal! Fala mais uma vez!”.

Algumas coisas muito importantes, então, são necessárias para essas horas: Entregar o assunto a Deus (como diz: “e o mais ele tudo fará”). Esperar com paciência (Deus se inclina e ouve), pois não operará na impaciência. Desistir do tempo cronológico (o de Deus é perfeito). Alimentar o ânimo e a fé (ele agirá). Ter convicção de sua resposta (ele responderá na mais absoluta certeza).

Isac Rodrigues

Cevide

View more posts from this author

Compartilhe em sua rede social, blog ou site

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *