Acessando o Salmo 23 – Parte 03

acessando

(Mensagem/estudo)

O PASTOR QUE NADA DEIXA FALTAR – verso 1 (Parte I)

“O Senhor é o meu pastor; nada me faltará”, Sl 23.1

I – O PASTOR E AS OVELHAS

1. O Pastor Jesus – Jesus é o Sumo Pastor que foi profetizado, como diz: “Como apascentará o seu rebanho; entre os seus braços recolherá os cordeirinhos, e os levará no seu regaço; as que amamentam, ele guiará mansamente”, Is 40.11 (Zc 13.7; Jo 10.11; Hb 13.20; 1Pe 1.25).

Deus veio ao mundo na forma humana, feito homem, cujo nome era Jesus, morreu por suas ovelhas, seus seguidores, os homens. A sua morte possibilita a salvação dos que creem, Is 53.12; Mt 20.28; Mc 10.45. A multidão dos que creram, os crentes, foi um povo especial. A especialidade do povo está no fato de Cristo ser o Supremo Pastor, que ordena obreiros, dentre eles pastores. O pastor exerce esse ofício tal qual Cristo exerce, quer dizer, por amor à multidão dos que creram. Por outro motivo que não seja o amor pelas almas, é mercenário, Jo 10.12,13. Mas Jesus conhece suas ovelhas, Is 49.14-17, em quem podemos confiar plenamente. Ele sempre está mirando os seus filhos, Ex 33.17; Jo 1.5; Mt 10.31; Rm 8.28. Está registrado em Jo 10.11-16 que Jesus é o Bom Pastor; ofício tão essencial à nossa salvação, sendo Sacerdote, Profeta, Rei. Em 1Pe 5.4 Jesus é o Sumo Pastor: ama, cuida, protege, guia, vigia, alimenta, está perto. “Ora, o Deus de paz, que pelo sangue do concerto eterno tornou a trazer dos mortos a nosso Senhor Jesus Cristo, grande pastor das ovelhas, nos aperfeiçoou em toda a boa obra, para fazerdes a sua vontade, operando em vós o que perante ele é agradável por Cristo Jesus, ao qual seja glória para todo o sempre. Amém”, Hb 13.20.21. O que poderia faltar ao rebanho, além de sua salvação? Com a salvação Cristo acrescenta o necessário às nossas necessidades.

2. As ovelhas – os crentes – Os crentes salvos são ovelhas do pastoreio do Senhor, Sl 80.1. Outrora andávamos “desgarrados como ovelhas” perdidas, Is 53.6, sem pastor. O Senhor nos salvou pelo seu sangue, 1Pe 1.18,19, o componente físico que seria o nosso próprio, a ser derramado como obra e salário de nossos pecados; se ele morreu por nós, é porque morreu em nosso lugar. Passamos a ser sua propriedade, porque ele conquistou, pelo direito do preço pago, possuir-nos. “Porque éreis como ovelhas desgarradas; mas agora tendes voltado ao Pastor e Bispo das vossas almas”, 1Pe 2.25. A salvação nos capacita a alcançarmos todas as demais bênçãos em Cristo Jesus, inclusive a realização de suas promessas, desde que ouçamos sua voz e sigamos os seus passos, Jo 10.3-5. Crer nele é a chave. Não importa o nosso passado. Não importa o que sejamos. O certo é que pelo clamor de nossa alma em forma de invocação a Deus, seremos salvos. Sua salvação nos ensina a segui-lo, a amá-lo, a confiar nele, sem duvidar de seu poder. Devemos, então, seguir, amar e confiar no Senhor, porque Ele é o nosso Pastor.

Deus o abençoe ricamente.

Isac Rodrigues

Cevide

View more posts from this author

Compartilhe em sua rede social, blog ou site

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *